Pesquisa Global da Dynatrace mostra desafios da complexidade em Nuvem e dados

Nuvem e Dados
Imagem: cyano66 / Getty Images / Canva

Segundo 46,5% dos CIOs do setor de serviços financeiros que foram entrevistados, abordagens atuais de ingestão e armazenamento de dados de observabilidade não atenderão suas futuras necessidades

A Dynatrace, líder em observabilidade e segurança unificadas, divulgou os resultados de sua última pesquisa global, que examina os desafios enfrentados pelos líderes de TI (CIOs – Chief Information Officers) e suas equipes no setor bancário e de serviços financeiros. O estudo indica que tecnologias multicloud e híbridas aumentam a complexidade e o risco organizacional, tornando a gestão e análise de logs um desafio significativo. Além disso, o “Relatório Global de CIO 2022 – Serviços Bancários e Financeiros” destaca que a observabilidade, juntamente com a implementação de medidas de segurança automatizadas e o uso de arquitetura em nuvem, são cruciais para a inovação e entrega de serviços digitais. 

O relatório enfatiza que, na era digital, as empresas de serviços bancários e financeiros dependem de vários sistemas e tecnologias críticas para garantir o acesso contínuo de seus clientes a aplicativos, como serviços bancários móveis, pagamentos seguros e acesso ao financiamento, entre outros. Quanto mais serviços os clientes recebem e mais satisfeitos estão, mais valiosa e duradoura se torna a relação com a organização. No entanto, gerenciar manualmente essa grande quantidade de informações é impossível.

A pesquisa revela que: 

– 72% dos CIOs do setor de serviços bancários e financeiros afirmam que a explosão de dados devido a pilhas tecnológicas nativas em Nuvem está além da capacidade humana de gerenciamento; 

– 58,5% dos CIOs afirmam que as equipes podem ficar sobrecarregadas com o aumento da complexidade de suas pilhas tecnológicas se não identificarem uma abordagem mais automatizada para as operações de TI; 

– 42,5% dos CIOs afirmam que sua camada de armazenamento de dados é incapaz de se expandir com eficiência para acompanhar o volume de métricas e logs que precisam capturar; 

– 77% das organizações de serviços bancários e financeiros afirmam que seu ambiente de TI muda a cada minuto. 

“As modernas organizações de serviços bancários e financeiros dependem da tecnologia em Nuvem para aumentar a agilidade e a velocidade de inovação, assim como a entrega de experiências digitais e as interações personalizadas para melhorar o valor vitalício de seus clientes”, diz Roberto Carvalho, Vice-Presidente Regional para a América do Sul da Dynatrace. “No entanto, isso também significa um aumento na complexidade, levando as equipes de TI, desenvolvimento e segurança a gerenciarem e otimizarem as experiências”. 

As conclusões adicionais da pesquisa incluem: 

– 96,5% dos CIOs do setor indicam que existem barreiras à expansão da observabilidade e segurança em seus ambientes Multicloud e nativas em Nuvem; 

– 10% é a proporção média da pilha tecnológica da qual as organizações de serviços financeiros têm observabilidade de ponta a ponta; 

– 48% dos líderes de TI afirmam que a quantidade de ferramentas necessárias para monitorar a pilha tecnológica completa dificulta a eficiência das operações; 

– 36,5% dos CIOs confirmam que algumas áreas da pilha tecnológica são difíceis de instrumentalizar ou não podem ser monitoradas com as tecnologias existentes; 

– 69% afirmam que os gastos e atrasos causados pela reindexação e reidratação de dados dificultam a obtenção de valor da crescente quantidade de informações de observabilidade e segurança.  

“As equipes de TI da área financeira precisam lidar com uma quantidade excessiva de dados gerados por várias fontes”, explica Carvalho. “É essencial gerenciá-los para melhorar a confiabilidade e a disponibilidade das aplicações. Trabalhar a inteligência dos dados promove a inovação contínua junto aos clientes, bem como possibilita uma jornada digital consistente e segura”. 

O relatório foi baseado em uma pesquisa global que incluiu mais de 1.300 executivos seniores de tecnologia e CIOs envolvidos na gestão de operações de nuvem e TI. Realizada pela Coleman Parkes em nome da Dynatrace, a pesquisa contou com empresas com mais de 1.000 funcionários do Brasil/América Latina, Estados Unidos, Europa, Oriente Médio e região da Ásia-Pacífico.

*A pesquisa completa pode ser acessada em: https://www.dynatrace.com/pt-br/info/reports/financial-services-cio-report/ 


Leia também
Gastos mundiais com TI crescerão 6,8% em 2024, prevê Gartner
Gastos mundiais com TI crescerão 6,8% em 2024, prevê Gartner

O Gartner prevê que as despesas mundiais com TI totalizarão 5 trilhões de dólares em 2024, representando um aumento de […]

A infraestrutura em nuvem: um motor de inovação e transformação corporativa
A infraestrutura em nuvem: um motor de inovação e transformação corporativa

A era digital trouxe uma oportunidade sem precedentes para promover novos modelos de negócios na internet, que se adaptam aos […]

TeamViewer anuncia integração com Lansweeper
TeamViewer anuncia integração com Lansweeper

A TeamViewer anuncia integração da plataforma de gestão de ativos de TI Lansweeper à tecnologia TeamViewer de monitoramento e gerenciamento […]

Na era dos dados: como processos de TI aceleram a construção de valor nas empresas
Na era dos dados: como processos de TI aceleram a construção de valor nas empresas

Estudo revela que investimentos em transformação digital nas companhias devem chegar a US$7,3 trilhões em 2023 Em um cenário global […]

Organização em empresas de TI: 5 dicas para manter o seu negócio bem estruturado
Organização em empresas de TI: 5 dicas para manter o seu negócio bem estruturado

Quando falamos em corporações com foco em tecnologia, manter o ritmo de trabalho organizado é ainda mais importante. Normalmente, nesse […]