TI

Nova GPU da NVIDIA chega para designers e criadores

GPU RTX 6000 oferece um desempenho de 2 a 4 vezes melhor nos workflows empresariais; Fabricantes globais vão comercializar a partir do 4º trimestre

Abrindo uma nova era de gráficos neurais que combina Inteligência Artificial (IA) e simulação, a NVIDIA anuncia a GPU NVIDIA RTX™ 6000 para workstation, baseada na nova arquitetura NVIDIA Ada Lovelace.

Continua após o anúncio

Com a nova GPU NVIDIA RTX 6000 Geração Ada, que oferece renderização em tempo real, gráficos e IA, os designers e engenheiros podem impulsionar workflows de ponta baseados em simulação para criar e validar designs mais sofisticados. Os artistas podem levar a narrativa a outro nível, criando conteúdo mais atrativo e criando ambientes virtuais imersivos. Cientistas, pesquisadores e profissionais médicos podem acelerar o desenvolvimento de medicamentos e procedimentos que salvam vidas com o poder da supercomputação em suas workstations, tudo com um desempenho até duas a quatro vezes melhor que o da geração anterior, a RTX A6000.

Projetada para gráficos neurais e simulação avançada de mundos virtuais, a RTX 6000, com IA da geração Ada e tecnologia de shader programável, é a plataforma ideal para criar conteúdo e ferramentas para o metaverso com o NVIDIA Omniverse™ Enterprise. Incorporando as gerações mais atuais de tecnologias de renderização, IA e shader e 48 GB de memória de GPU, a RTX 6000 permite que os usuários criem conteúdo incrivelmente detalhado, desenvolvam simulações complexas e formem os blocos de construção necessários para construir mundos virtuais envolventes e atraentes.

"Os gráficos neurais estão impulsionando a próxima onda de inovação em computação gráfica e mudarão a forma como o conteúdo é criado e vivenciado", diz Bob Pette, vice-presidente de visualização profissional da NVIDIA. "A NVIDIA RTX 6000 está pronta para impulsionar essa nova era para engenheiros, designers e cientistas atenderem à necessidade de exigentes cargas de trabalho de criação, renderização, IA e simulação de conteúdo necessárias para construir mundos no metaverso."

Líderes mundiais recorrem à NVIDIA RTX 6000

"As GPUs profissionais da NVIDIA nos ajudaram a oferecer uma experiência como nenhuma outra para os fãs de beisebol em todos os lugares, trazendo lendas do esporte de volta à vida com animação facial com tecnologia fornecida por IA", afirma Michael Davies, Vice-Presidente Sênior de Operações em Campo na Fox Sports. "Estamos empolgados em aproveitar os gráficos incríveis e o desempenho de IA proporcionado pela RTX 6000, o que nos ajudará a mostrar o próximo capítulo da transmissão de esportes ao vivo."

"As emissoras estão adotando cada vez mais softwares e computação para ajudar a construir a próxima geração de estações de TV", conta Andrew Cross, CEO da Grass Valley. "As novas GPUs workstation realmente são mesmo revolucionárias, proporcionando aumentos de mais de 300% no desempenho, permitindo melhorar a qualidade do vídeo e o valor de nossos produtos."

"A nova arquitetura NVIDIA Ada Lovelace permitirá que designers e engenheiros continuem desafiando os limites das simulações de engenharia", afirma Dipankar Choudhury, Líder do Ansys Fellow e do HPC Center of Excellence. "O maior cache L2 da GPU RTX 6000, um aumento significativo no número e no desempenho dos núcleos de última geração e o aumento da largura de banda de memória resultarão em ganhos de desempenho impressionantes para o amplo portfólio de aplicações Ansys."

Tecnologia RTX de última geração

Com a arquitetura NVIDIA Ada, a arquitetura de GPU mais avançada do mundo, a NVIDIA RTX 6000 conta com a tecnologia de última geração NVIDIA RTX. Confira os recursos:

  • RT Cores de terceira geração: até o dobro da taxa de transferência da geração anterior, com a capacidade de executar simultaneamente o Ray Tracing com recursos de sombreamento ou remoção de ruídos.
  • Tensor Cores de quarta geração: desempenho de treinamento em IA até duas vezes mais rápido do que a geração anterior, com suporte expandido para o formato de dados FP8.
  • Núcleos CUDA: até duas vezes a taxa de transferência de ponto flutuante de precisão simples em comparação com a geração anterior.
  • Memória de GPU: apresenta 48 GB de memória GDDR6 para trabalhar com os maiores modelos 3D, renderizar imagens, simulação e conjuntos de dados de IA.
  • Virtualização: será compatível com o software de GPU virtual (vGPU) da NVIDIA para várias instâncias de workstation virtual de alto desempenho, permitindo que os usuários remotos compartilhem recursos e impulsionem cargas de trabalho avançadas de design, IA e computação.
  • XR: oferece três vezes mais desempenho de codificação de vídeo da geração anterior, fazendo streaming de várias sessões simultâneas de XR usando o NVIDIA CloudXR. 

“É impressionante o poder de processamento deste lançamento. A nova RTX proporcionará aos criadores e designers possibilidade de trabalhos de ainda mais excelência e trará ainda mais relevância para este mercado”, destaca Marcio Aguiar, diretor da divisão Enterprise da NVIDIA para América Latina.

Disponibilidade

A GPU de workstation NVIDIA RTX 6000 estará disponível em parceiros de distribuição globais e OEMs a partir de dezembro.

Para saber mais sobre a NVIDIA RTX, assista à apresentação de Jensen Huang, fundador e CEO da NVIDIA, no GTC 2022Inscreva-se no GTC gratuitamente para participar de sessões com a NVIDIA e líderes do setor.

 *Imagem: Divulgação/NVIDIA 


Leia também
Framework desenvolvido pela Datum TI promete ser decisivo para a retenção de talentos

Framework desenvolvido pela Datum TI promete ser decisivo para a retenção de talentos

De acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), foram realizados 6,17 milhões de pedidos de demissão entre...

4 ações de uma provedora de TI que auxiliam as grandes empresas a se manterem atualizadas

4 ações de uma provedora de TI que auxiliam as grandes empresas a se manterem atualizadas

Com a tecnologia cada vez mais sendo parte integral de uma empresa, ela precisa estar constantemente atualizada. Essas atualizações...

Automação para gerenciar a infraestrutura de TI dos serviços financeiros na era do Multicloud

Automação para gerenciar a infraestrutura de TI dos serviços financeiros na era do Multicloud

Na grande maioria dos setores, as primeiras preocupações sobre a migração dos dados para a Nuvem começaram anos...

85% dos líderes de infraestrutura e operações esperam aumentar a automação em três anos

85% dos líderes de infraestrutura e operações esperam aumentar a automação em três anos

Segundo dados da recente pesquisa do Gartner, cerca de 85% dos líderes de infraestrutura e operações (I&O) que...

Ver mais

Nenhum comentário no momento

Deixe um comentário