Microsoft oferece programa de capacitação em tecnologia exclusivo para mulheres

Microsoft oferece programa de capacitação em tecnologia exclusivo para mulheres
Imagem: BoliviaInteligente / Unsplash

As vagas são para os programas #ElasnaIA e #SecurityGirls, voltados para Inteligência Artificial e cibersegurança

A Microsoft anunciou a abertura das inscrições para duas turmas gratuitas de mentoria e certificação técnica para mulheres cis e trans na área de tecnologia. No total, são 100 vagas oferecidas pelas duas iniciativas, que são frutos do trabalho de colaboradoras da Microsoft e voluntárias dos pilares de Diversidade e Inclusão da empresa – WAM (Women at Microsoft). As interessadas podem se cadastrar até 24 de março por meio do link: www.maismulheres.tech/collections 

As vagas, abertas para mulheres de todo Brasil, são para os seguintes programas:  

  • 6ª edição do Elas na IA: direcionado para áreas de Machine Learning/Aprendizado de Máquina (ML), Inteligência Artificial (IA) e serviços de Cloud. A iniciativa é desenhada para mulheres com interesse em trabalhar com desenvolvimento de IA ou ciência de dados. O programa terá duração de 7 semanas e as participantes aprenderão sobre fundamentos de inteligência artificial, desenvolvimento de aplicações com Serviços Cognitivos e poderão realizar o exame de certificação AI-900: Microsoft Azure AI Fundamentals de forma gratuita. As inscrições podem ser feitas pelo link: https://aka.ms/elasnaia  
  • 2ª edição do Security Girls: traz conteúdo para as mulheres que desejam se aprofundar na área de segurança e infraestrutura de nuvem. O treinamento abordará os fundamentos de SCI (segurança, conformidade e identidade) e Microsoft Azure. Durante 7 semanas, as participantes aprenderão na prática e poderão realizar o exame de certificação SC-900: Fundamentos de segurança, conformidade e identidade. Os cadastros devem ser feitos pelo link: https://aka.ms/Security-Girls  

Para participar dos programas é preciso se identificar como mulher cisgênero ou transgênero, ter no mínimo 18 anos, ensino médio completo e interesse em atuar no mercado de tecnologia, entre outros requisitos. Para o programa Security Girls também é recomendado ter conhecimentos básicos em informática e em infraestrutura de computação em nuvem.  

Estas iniciativas fazem parte do Microsoft Mais Brasil, plano lançado em outubro de 2020, que visa a ampliar o compromisso de longo prazo da Microsoft com o país. Entre as suas iniciativas está a promoção de treinamentos gratuitos para que a população brasileira esteja apta para atender as demandas exigidas pelo mundo do trabalho atual e futuro. Ao todo, desde julho de 2020, mais de 7 milhões de pessoas foram impactadas pelos programas de capacitação e recapacitação da Microsoft e mais de 1,5 milhão de pessoas finalizaram, pelo menos, um curso. O Mais Brasil também busca atuar para habilitar a economia digital por meio da tecnologia e promover crescimento sustentável e de impacto social. 

Fonte: Microsoft


Leia também
Ampla abertura: NVIDIA acelera a inferência no Meta Llama 3
Ampla abertura: NVIDIA acelera a inferência no Meta Llama 3

Mais recente grande modelo de linguagem de código aberto da Meta — construído com tecnologia da NVIDIA — é otimizado […]

Gartner anuncia as principais tendências de tecnologia para governos em 2024
Gartner anuncia as principais tendências de tecnologia para governos em 2024

O Gartner apontou as cinco tendências tecnológicas-chave para governos em 2024, que podem direcionar líderes do setor público a prover […]

Web Summit Rio: Brasil e Angola apresentam avanços de parceria tecnológica
Web Summit Rio: Brasil e Angola apresentam avanços de parceria tecnológica

Serpro e Ministério das Finanças da República de Angola firmaram acordo para aprimoramento tecnológico em novembro de 2023. Primeiros resultados […]

Arena Senac RJ terá executivos de big techs no segundo dia de Web Summit Rio
Arena Senac RJ terá executivos de big techs no segundo dia de Web Summit Rio

No primeiro dia do evento, abertura institucional ressaltou a importância do evento para consolidar o Rio de Janeiro como um […]

Para Huawei, demanda pelo 5G é alta e operadoras já percebem retorno financeiro da rede
Para Huawei, demanda pelo 5G é alta e operadoras já percebem retorno financeiro da rede

A monetização do 5G, atualmente, é um dos desafios para ampliar a cobertura no país. O setor segue à espera de uma […]