Nuvem será essencial nas empresas até 2028, segundo Gartner

Cloud
Imagem: Freepik

Segundo o Gartner, a computação em nuvem deixará de ser uma tecnologia disruptiva e se tornará um componente essencial para a manutenção da competitividade empresarial até 2028.

De acordo com o Gartner, os gastos globais com serviços públicos de Nuvem (Cloud) devem alcançar US$ 679 bilhões até 2024, sem sinais de desaceleração. Além disso, a estimativa é de que esses números ultrapassem US$ 1 trilhão em 2027.

“As empresas estão investindo ativamente em tecnologia de Nuvem devido ao seu potencial para promover inovação, criar perturbações no mercado e aumentar a retenção de clientes para obter vantagem competitiva”, diz Milind Govekar, Vice-Presidente e Analista Distinto do Gartner. “Embora muitas empresas tenham começado a aproveitar as vantagens técnicas da Nuvem, apenas algumas desbloquearam por completo o seu potencial para a transformação comercial. Como resultado, as companhias estão usando a Nuvem para lançar uma nova onda de perturbação impulsionada pela Inteligência Artificial (IA) para conseguirem desbloquear valor comercial em escala”.

O Papel da Nuvem em 2023: A maioria das empresas atualmente considera a Nuvem como uma plataforma tecnológica. Este ano, estão usando a Computação em Nuvem como uma tecnologia disruptiva ou como um habilitador de capacidades. O Gartner prevê que mais de 50% das empresas irão utilizar plataformas de Nuvem específicas do setor até 2028 para acelerar suas iniciativas comerciais. Em 2028, a maioria das empresas aproveitará Cloud como uma necessidade empresarial.

O Futuro da Computação em Nuvem até 2028

Empresas que utilizam ambientes Cloud como uma tecnologia disruptiva estão explorando seu potencial transformador para revolucionar estilos e computação não baseadas em Nuvem e centradas em Data Centers. “À medida que as companhias navegam pelas jornadas de transformação digital, a mudança para a Nuvem torna-se uma decisão estratégica”, afirma Govekar.

Companhias que adotam a tecnologia de Cloud como habilitadora de capacidades estão usando seu potencial para permitir novas competências, como elasticidade, integração contínua/desenvolvimento contínuo na Nuvem (CI/CD), funções serverless, APIs e processos infundidos com Inteligência Artificial que eram difíceis de alcançar antes do advento da Nuvem. Para explorar essas novas aptidões, as companhias devem avaliar cuidadosamente fatores como o investimento no desenvolvimento de habilidades, a quebra de silos operacionais e a promoção da colaboração entre equipes para adotar a automação de forma contínua.

Nuvem como uma Necessidade Empresarial em 2028: Nos próximos anos, a Computação em Nuvem continuará a evoluir, passando de facilitador de inovação para se tornar algo disruptivo para os negócios e, finalmente, uma necessidade empresarial. Com a Computação em Nuvem como facilitador de inovação, as empresas podem distribuir amplamente conceitos de negócios de plataforma usando tecnologia subjacente para fornecer interconexões, escala, agregação e capacidades de análise, permitindo o uso tecnológico como um componente fundamental de um modelo de negócios.

“Ao aproveitar o ecossistema de fornecedores de Nuvem, as companhias podem introduzir produtos e serviços inovadores, como soluções de prevenção de fraudes para carros usados de fabricantes de pneus, ou desenvolvimento rápido de vacinas por meio de aprendizado de máquina baseado em Nuvem por empresas farmacêuticas”, afirma Govekar.

Até 2028, a maioria das empresas irá se transformar em entidades digitais capazes de perceber e responder às condições de negócios e de mercado. “Com a Computação em Nuvem se tornando uma parte integral das operações comerciais em 2028, os CIOs (Chief Information Officers) e líderes de TI terão que implementar um modelo operacional de Cloud altamente eficiente para alcançar os objetivos comerciais desejados”, diz Govekar.

*Fonte: Gartner


Leia também
Tecnologia: desenvolvimento de softwares e os benefícios concretos do uso da inteligência artificial
Tecnologia: desenvolvimento de softwares e os benefícios concretos do uso da inteligência artificial

Com a crescente popularização de ferramentas de Inteligência Artificial (IA), elas tornaram-se extremamente relevantes para diversas atividades, entre elas  o […]

Inteligência Artificial está transformando o cenário do Recursos Humanos
Inteligência Artificial está transformando o cenário do Recursos Humanos

Com o avanço da tecnologia a passos largos, a integração da Inteligência Artificial (IA) Generativa nas áreas de recursos humanos […]

Regulamentação da IA na União Europeia: especialista comenta sobre acordo e a aplicação da legislação em outro países
Regulamentação da IA na União Europeia: especialista comenta sobre acordo e a aplicação da legislação em outro países

O texto foi aprovado pelos países-membros, mas a lei ainda deve passar pela etapa final com a validação do Parlamento […]

75% das empresas devem incorporar IA nos próximos 5 anos
75% das empresas devem incorporar IA nos próximos 5 anos

Muito dificilmente você passou o ano de 2023 sem ao menos acessar o ChatGPT. A ferramenta é uma inteligência artificial […]

Ética na IA: garantindo uma abordagem responsável para o futuro
Ética na IA: garantindo uma abordagem responsável para o futuro

A Inteligência Artificial está redefinindo a maneira como interagimos com a tecnologia e como ela molda nossa sociedade. Em diversas […]