Processos manuais e legado tecnológico atrasam modernização de empresas de grande porte

Transformação digital
Imagem: Freepik

Embora o mundo pareça cada vez mais tecnológico, empresas de médio e grande porte ainda enfrentam desafios com o volume de processos manuais, legado tecnológico e poucos recursos modernos e que oferecem soluções mais eficientes. É isso que afirma Vinícius Gallafrio, CEO da MadeinWeb. Mas, aquelas que querem inovar e chegar mais longe, quebrando as normas do mercado, precisam pensar em um processo de organização menos tradicional, apostando na transformação digital. 

Estando à frente de uma empresa especializada, Gallafrio acompanha de perto a realidade de companhias que ainda não têm sincronicidade de informações por estarem presas a estratégias nada práticas. “Empresas de todos os portes podem se transformar digitalmente, porém uma coisa é fato: quanto maior o porte, maior o desafio. Muito disso, porque a transformação não fala apenas de sistemas, fala também de pessoas. A cultura tecnológica deve ser trabalhada para que todos entendam que as alternativas modernas chegam para somar. O mindset da liderança deve estar bem alinhado a esse propósito, já que será responsável para motivar e atuar na linha de frente, junto aos funcionários, com todas as modificações realizadas”, explica. 

O executivo também ressalta que há burocracia envolvida na tomada de decisão, principalmente porque exige investimento de tempo e recursos para que a estratégia seja efetivamente aplicada.  “O processo de transformação começa pelo planejamento, porque é preciso entender estrategicamente quais as iniciativas são prioritárias. As mudanças acontecem no RH, TI, Marketing e demais setores, mas cabe ao C-level definir as prioridades e para isso, precisa ter uma visão clara de como será o futuro digital da sua organização, levando em conta que a implementação dura entre 12 e 36 meses. Para isso, é fundamental contar com a ajuda de pessoas especializadas para um bom resultado”, complementa. 

De acordo com Gallafrio, a transformação digital depende de um esforço contínuo, pois deve evoluir à medida das mudanças internas do próprio negócio. Sendo assim, é necessário traçar um plano, mas ter flexibilidade para pequenos ajustes no meio do caminho. 

O caminho da transformação digital 

Para o CEO da MadeinWeb, o primeiro passo de uma empresa que quer se transformar é apostar na cultura orientada pelos dados e aberta à experimentação. “Existem muitas formas de estabelecer uma cultura digital – desde a reestruturação da liderança até a criação de um novo processo de recrutamento para novas contratações. O ponto de partida é entender o que é trabalhado nos dias atuais e planejar qual tipo de cultura gostaria de ver na organização. Essa avaliação de todas as capacidades e necessidades deve ser feita com cuidado”, diz. 

Sendo assim, deve-se analisar o negócio como um todo, clientes e principais objetivos. “Isso dará uma ideia do caminho a seguir e quais possíveis ajustes de rota deverão ser feitos ao longo da implementação”, conclui Gallafrio. 


Leia também
Tecnologia: desenvolvimento de softwares e os benefícios concretos do uso da inteligência artificial
Tecnologia: desenvolvimento de softwares e os benefícios concretos do uso da inteligência artificial

Com a crescente popularização de ferramentas de Inteligência Artificial (IA), elas tornaram-se extremamente relevantes para diversas atividades, entre elas  o […]

Inteligência Artificial está transformando o cenário do Recursos Humanos
Inteligência Artificial está transformando o cenário do Recursos Humanos

Com o avanço da tecnologia a passos largos, a integração da Inteligência Artificial (IA) Generativa nas áreas de recursos humanos […]

Regulamentação da IA na União Europeia: especialista comenta sobre acordo e a aplicação da legislação em outro países
Regulamentação da IA na União Europeia: especialista comenta sobre acordo e a aplicação da legislação em outro países

O texto foi aprovado pelos países-membros, mas a lei ainda deve passar pela etapa final com a validação do Parlamento […]

75% das empresas devem incorporar IA nos próximos 5 anos
75% das empresas devem incorporar IA nos próximos 5 anos

Muito dificilmente você passou o ano de 2023 sem ao menos acessar o ChatGPT. A ferramenta é uma inteligência artificial […]

Ética na IA: garantindo uma abordagem responsável para o futuro
Ética na IA: garantindo uma abordagem responsável para o futuro

A Inteligência Artificial está redefinindo a maneira como interagimos com a tecnologia e como ela molda nossa sociedade. Em diversas […]