Estudo aponta 6 tendências sobre o mundo das APIs para 2023

Sistema de API
Imagem: Freepik

‘Beyond the trend – Prevendo o futuro das APIs em 2023’ revela que as APIs serão um dos pilares de eficiência das empresas

As APIs são uma das grandes responsáveis pela criação dos Negócios Abertos (ou Open Business). Para muitos analistas, o Open Banking foi o primeiro sinal de que um novo modelo de negócios estava se desenvolvendo. À medida que o número de APIs abertas de grandes empresas cresce, cresce também o entendimento de que os Negócios Abertos estão se tornando Negócios Normais – e provavelmente serão estratégia comum para muitas empresas a curto prazo. O motivo? As APIs permitem que uma organização prospere conforme as cadeias de valor, os modelos de negócios e a concorrência mudam e evoluem continuamente, o que é a norma na era da transformação digital – e para empresas de todos os setores. 

Para entender as tendências desse mercado para o futuro próximo, a Sensedia, líder global em integrações e APIs, em parceria com Randy Heffner, analista independente da indústria de software e especialista em APIs, acaba de lançar o relatório ‘Beyond the trend – Prevendo o futuro das APIs em 2023’. O estudo analisa as melhores práticas para APIs e negócios digitais e, com base nisso, analisa os caminhos que o mercado deverá seguir neste ano. 

“Toda empresa funciona por softwares e só pode mudar tão rapidamente quanto a velocidade das mudanças de software. Não importa quão boa e rápida seja sua equipe de software, APIs bem projetadas podem torná-los mais rápidos porque terão menos software para construir”, diz Heffner, analista do setor de tecnologia e software. “As APIs fornecem uma vantagem de sobrevivência ao direcionar investimentos específicos em eficiência e oportunidades de negócios. Compreender as tendências de API e as melhores práticas fornece uma base para a agilidade dos negócios”.

“O negócio aberto está se tornando parte de todos os negócios”, comenta Kleber Bacili, CEO da Sensedia. “As APIs evoluíram como uma parte integrada de todos os aspectos do cenário da arquitetura da solução. Randy e eu estamos ansiosos para compartilhar este eBook e informar os líderes de negócios, para que eles atuem nessas tendências e criem mais agilidade em suas plataformas e sistemas”.

“As empresas podem responder a essas tendências de curto prazo construindo cuidadosamente para o futuro, independentemente de darem saltos ou pequenos passos à frente”, comenta Heffner. “Ao considerar se deve-se agir de acordo com qualquer tendência, é aconselhável praticar o compromisso tardio e deixar as opções em aberto neste mundo fluido. E lembre-se, ao aderir aos princípios das melhores práticas, mantenha sua equipe focada, considerando o porquê essas práticas são importantes”.

No artigo de 2022, as tendências de melhores práticas de longo prazo citadas por Bacili e Randy observam um fortalecimento muito importante do reconhecimento da indústria pela importância do Open Business e APIs. Além disso, o documento observa um aumento no uso de APIs por empresas de todos os setores, embora mais lentamente em comparação com empresas de tecnologia. A análise também revelou que as empresas estão prestando mais atenção às estratégias de negócios de plataforma, produtos de API, segurança de API, governança adaptativa e um panorama ampliado para protocolos de API e ferramentas de entrega de aplicativos. 

Tendências para 2023

O relatório identificou seis tendências principais para as APIs em 2023:

    • Na busca de resultados, o “Open Business” irá além de regulações: Como resultado, eles podem se tornar os “negócios-normais”.
    • O gerenciamento de APIs adota cenários multi-gateway: Para auxiliar os desenvolvedores, as soluções de gerenciamento de API estão expandindo funcionalidades e arquiteturas de implantação para acomodar conectividade e segurança em ambientes multi-cloud.
    • O Ciclo de vida das APIs está totalmente conectado às cadeias de valor e integrações com outras ferramentas: As APIs se tornaram um elemento permanente no cenário da arquitetura de soluções. Elas não são apenas parte de um ecossistema de ferramentas digitais de uma corporação; são elas que integram essas ferramentas, ou seja, estão presentes em todas elas.
    • A governança adaptativa “end-to-end” surge da governança de APIs: A governança está se distanciando daquela ideia engessada e se tornando mais adaptável e flexível. Ela deve atuar junto ao Portfólio de APIs de forma coesa e impactar diretamente o resultado do negócio. 

 

  • APIs e suas infraestruturas se beneficiam da engenharia de plataforma: É possível fazer com que as equipes de plataforma se concentrem em questões de design e configuração de infraestrutura de software, separadas das equipes de desenvolvimento de aplicativos, que podem focar, de fato, no desenvolvimento de aplicações. 

 

  • Ao longo do tempo, as APIs se tornam um pilar para eficiência corporativa: Os últimos tempos têm sido de incertezas e as empresas estão buscando na tecnologia as respostas e oportunidades de desenvolvimento. As APIs aumentam a eficiência da operação e facilitam eventuais mudanças no futuro.

Além de enfatizar esses seis pontos, o levantamento aponta que o mais importante para uma empresa e sua estratégia digital é ter uma cultura de negócios e tecnologia alinhados. “Sem isso, as organizações buscarão as APIs como um simples recurso técnico, sem foco na capacitação da agilidade dos negócios”, conclui Bacili. 

Fonte: Sensedia


Leia também
Tecnologia: desenvolvimento de softwares e os benefícios concretos do uso da inteligência artificial
Tecnologia: desenvolvimento de softwares e os benefícios concretos do uso da inteligência artificial

Com a crescente popularização de ferramentas de Inteligência Artificial (IA), elas tornaram-se extremamente relevantes para diversas atividades, entre elas  o […]

Inteligência Artificial está transformando o cenário do Recursos Humanos
Inteligência Artificial está transformando o cenário do Recursos Humanos

Com o avanço da tecnologia a passos largos, a integração da Inteligência Artificial (IA) Generativa nas áreas de recursos humanos […]

Regulamentação da IA na União Europeia: especialista comenta sobre acordo e a aplicação da legislação em outro países
Regulamentação da IA na União Europeia: especialista comenta sobre acordo e a aplicação da legislação em outro países

O texto foi aprovado pelos países-membros, mas a lei ainda deve passar pela etapa final com a validação do Parlamento […]

75% das empresas devem incorporar IA nos próximos 5 anos
75% das empresas devem incorporar IA nos próximos 5 anos

Muito dificilmente você passou o ano de 2023 sem ao menos acessar o ChatGPT. A ferramenta é uma inteligência artificial […]

Ética na IA: garantindo uma abordagem responsável para o futuro
Ética na IA: garantindo uma abordagem responsável para o futuro

A Inteligência Artificial está redefinindo a maneira como interagimos com a tecnologia e como ela molda nossa sociedade. Em diversas […]