NA-AT Technologies disponibiliza gratuitamente no Brasil plataforma que amplia a segurança em processos eleitorais

Tecnologia NA-AT
Imagem:

FAD® Participação Cidadã é a plataforma líder em validação de identidade, que garante a participação de todos em processos eleitorais, de qualquer lugar, em menos de 1 minuto

Dado o panorama atual das eleições no Brasil, a NA-AT Technologies, empresa de origem mexicana especializada em soluções multibiométricas, acaba de disponibilizar gratuitamente ao governo brasileiro a plataforma FAD® Participação Cidadã, com o objetivo garantir o exercício da democracia, por meio do uso de tecnologia multi biométrica remota. A solução permite que dispositivos móveis possam ser utilizados de qualquer lugar, a fim de aumentar o volume de participações e ampliar a segurança em processos eleitorais.

Além de mudar a forma como as pessoas exercem sua cidadania, a FAD® Participação Cidadã também oferece ao governo brasileiro vantagens econômicas para as próximas eleições, segundo o CEO da NA-AT Technologies, Carlos Chavarría. “Ao todo, seriam economizados mais de 247 milhões de dólares, de acordo com dados oficiais do Tribunal Superior Eleitoral. Embora o preço de mercado da nossa plataforma seja de US$ 1 por voto, disponibilizaríamos gratuitamente, caso o governo optasse por utilizá-la, uma vez que estamos comprometidos com a democracia em toda a América Latina”, explica Chavarría.
As eleições de 2022, o Brasil terá o maior eleitorado de sua história. Segundo dados do TSE, para o primeiro turno são 156.454.011 eleitores cadastrados e habilitados. Além disto, três em cada quatro deles já realizaram a identificação biométrica na Justiça Eleitoral, o que facilita a
implementação da solução, de acordo com o CEO.

A plataforma, já testada no setor financeiro há mais de 5 anos, integra elementos que vão desde a validação do registro geral e prova de vida 3D, efetivamente mais segura que a 2D, até a constância de conservação com
tecnologia de segurança blockchain, que permite autenticar a identidade da pessoa, garantir a segurança de seus dados e mitigar o risco de tentativas de fraude e phishing.

Com esses bloqueios de seguranças biométricas, segundo Chavarría, é possível votar sem estar fisicamente no local, com a segurança de que a identidade será protegida e impedindo que uma pessoa participe mais de uma vez do processo eletivo.

Como funciona a FAD® Participação Cidadã

O processo começa com uma mensagem enviada ao usuário via WhatsApp, convidando-o, por meio de um link, a acessar a plataforma. A participação inicia-se com a validação do documento de identidade através da câmara de um Smartphone. Em seguida, é feito um reconhecimento facial por meio de uma selfie com prova de vida em 3D, que é enviada para validação, junto a uma instituição governamental certificada para a aprovação dos dados capturados. 

O procedimento continua com um vídeo de aceitação, no qual o usuário é gravado lendo e aceitando todos os termos e condições da referida votação.
Essas informações, juntamente com a geolocalização do signatário, são registradas em tecnologia blockchain, garantindo a integridade, a rastreabilidade das informações geradas pela consulta e que os dados do eleitor estarão seguros. Após este processo, a decisão do eleitor não poderá ser alterada. 

*Imagem: Divulgação / NA-AT Technologies

 


Leia também
Mercado financeiro: protegendo ativos na era digital
Mercado financeiro: protegendo ativos na era digital

O mercado financeiro é reconhecidamente um dos que mais investe em inovações para digitalizar suas operações e os serviços oferecidos […]

Dia Internacional da Internet Segura: 6 dicas para se proteger online
Dia Internacional da Internet Segura: 6 dicas para se proteger online

Hoje, dia 6 de fevereiro, celebramos o Dia Internacional da Internet Segura, uma iniciativa da Redes INSAFE-INHOPE e da Comissão […]

Cuidados cibernéticos no carnaval: como se proteger dos golpes virtuais durante a folia
Cuidados cibernéticos no carnaval: como se proteger dos golpes virtuais durante a folia

Durante o carnaval, período conhecido por festas e descontração, os brasileiros ficam mais suscetíveis a ciberataques, conforme indicado por uma […]

3 estratégias para fortalecer a segurança da cadeia de suprimento de software
3 estratégias para fortalecer a segurança da cadeia de suprimento de software

Em meio ao aumento das ameaças cibernéticas, analistas preveem um aumento triplo nos ataques à cadeia de suprimento até 2025, afetando quase […]

Ambiente digital seguro: IA e demanda por profissionais qualificados vão liderar tendências da cibersegurança em 2024, aponta especialista
Ambiente digital seguro: IA e demanda por profissionais qualificados vão liderar tendências da cibersegurança em 2024, aponta especialista

Se medidos como um país, os crimes cibernéticos representariam a terceira maior economia do planeta, totalizando R$ 43 trilhões de […]