Linux

SUSE Linux lança a primeira plataforma open source de segurança de contêineres do setor

O NeuVector é a nova ferramenta da empresa para a comunidade de open source

Continua após o anúncio

A Suse Linux, sistema operacional construído em cima do kernel Linux, originário da Alemanha e desenvolvido com base na Europa, lança o código base NeuVector para a comunidade de open source no GitHub. O esforço para abrir totalmente uma tecnologia proprietária é uma prova da cultura de open source da SUSE e do compromisso da empresa em fornecer soluções abertas, interoperáveis e inovadoras para seus parceiros e clientes. 

Com este lançamento, o NeuVector torna-se a primeira plataforma open source de segurança de contêiner de ponta a ponta do setor, a única solução que oferece segurança Zero Trust de nível empresarial para cargas de trabalho em contêiner. 

"Desde a aquisição da NeuVector há três meses, a SUSE vem trabalhando nas considerações técnicas e legais envolvidas no open source da nossa plataforma de segurança de contêiner nativa de nuvem de mesmo nome. NeuVector é uma solução de segurança e conformidade líder do setor adotada por grandes empresas em todo o mundo", afirma Sheng Liang, Presidente de Engenharia e Inovação da SUSE.

As imagens de contêiner de open source NeuVector podem ser instaladas em qualquer cluster Kubernetes e também estará disponível para os usuários Rancher instalarem facilmente a partir do catálogo de aplicativo. No futuro, a companhia prevê maiores níveis de integração para garantir que o NeuVector ofereça valor incomparável aos clientes Rancher. Ainda sim mantendo a estratégia de abertura, o NeuVector continuará sendo uma ótima solução para todos os adotantes nativos da nuvem com outras plataformas de gerenciamento de contêineres corporativos, como Red Hat OpenShift, VMWare Tanzu, Google GKE, Amazon EKS, Microsoft Azure AKS e outros. 

Como segurança de contêiner continua sendo uma necessidade crítica para as organizações que criam e executam aplicativos Kubernetes, o projeto NeuVector permitirá que os usuários do Rancher abordem os principais casos de uso de segurança em todo o ciclo de vida do aplicativo, incluindo visibilidade profunda da rede, inspeção e segmentação; gestão de vulnerabilidade, configuração e conformidade; além de perfil de risco, detecção de ameaças e resposta a incidentes. O projeto NeuVector será o código por trás dos recursos avançados de segurança de cluster do Rancher. 

*Imagem: Divulgação/SUSE


Nenhum comentário no momento

Deixe um comentário