Mercado gamer: o play para mais vagas de emprego

Amanda Rodrigues, Gerente de Marketing da Lity
*Na foto: Amanda Rodrigues – Imagem: divulgação / Lity

Nos últimos anos, temos testemunhado uma verdadeira ascensão do mundo gamer como meio de entretenimento, influência e lucro para as empresas que apostam no setor. Além da diversão garantida para 82,1% de brasileiros que jogam como entretenimento, segundo Pesquisa Game Brasil (PGB) de 2023, a indústria tem desempenhado um papel relevante na carreira e formação de profissionais no país.

Isso porque o Brasil tem se tornado referência no segmento e é considerado um mercado em expansão. Acompanhando essa vertente, está a oferta de vagas em tecnologia, que apresentou um crescimento, em 2022, de 28,6% em relação ao ano anterior, segundo levantamento da Infojobs publicado este ano. Esse índice eleva automaticamente a maior procura por cursos na área de tecnologia, como desenvolvimento, digital e games.

Para se ter uma ideia do quanto esse mercado representa para o país, 58% das desenvolvedoras de jogos nacionais vendem produtos para outros países, sendo que 10% têm representantes ou relações públicas fixas contratadas no exterior, de acordo com pesquisa realizada este ano pela Associação Brasileira das Desenvolvedoras de Jogos Digitais (Abragames).

Em termos de acesso à tecnologia de software, não existe limitação para as empresas brasileiras quando comparadas com outros mercados. E é justamente pela expansão das desenvolvedoras de jogos que o interesse da população em ingressar nesse tipo de mercado tem aumentado. Segundo a PGB, 58,3% das pessoas acreditam que o setor oferece boas oportunidades de trabalho e carreira nas áreas de criação de conteúdo (68,3%); publicidade ou marketing (68%); programação (66%); efeitos visuais (65,7%); e arte, ilustração ou animação de jogos (65%).

É compreensível que um mercado que deve movimentar US$ 188 bilhões em 2023, o que representa um crescimento de 2,6% na comparação com 2022, segundo o novo estudo da Newzoo – uma plataforma de pesquisa e análise de dados especializada no setor – desperte o interesse de um público engajado com o assunto e com o anseio de unir a diversão à profissão.

Porém, é importante lembrar que muitos dos jogadores que consideram atuar na área de games têm voltado seus olhares apenas para áreas de tecnologia, o que é compreensível, afinal é o que move o mercado. No entanto, há profissões secundárias que também podem levá-los para o emprego dos sonhos.

Por trás de cada desenvolvedora de jogos, é possível encontrar uma enorme infraestrutura composta por pessoas de diversas áreas. Como exemplo, a maioria das organizações de eSports é gerida por profissionais da área administrativa, além de responsáveis por marketing, comunicação, jurídico etc. Apesar de estarem por trás de toda a instituição, são eles quem ajudam a fazer com que o produto final ou o time de competição aconteçam e cheguem ao sucesso.

E quando falamos especificamente dos e-atletas, também é possível pensar em profissionais como nutricionistas, psicólogos, preparadores físicos e fisioterapeutas para ajudar a melhorar a performance nos jogos e extrair o melhor de suas habilidades.

À medida que a indústria de games continua a crescer e evoluir, mais e mais oportunidades serão criadas não apenas em áreas de tecnologia, mas para muitas outras também. Portanto, é seguro afirmar que o mercado de games continuará a ser um motor de crescimento para mais vagas de emprego no país, além de impulsionar a economia do Brasil.

*Por Amanda Rodrigues, Gerente de Marketing da Lity


Leia também
LG UltraGear é a nova patrocinadora do time feminino de e-sports Fluxo Demons
LG UltraGear é a nova patrocinadora do time feminino de e-sports Fluxo Demons

Linha de monitores gamer, que já patrocina o Fluxo em outras lines, agora tem o patrocínio master do time feminino […]

Viper Pro Gamer participa da Yes Móvel Show, em São Paulo
Viper Pro Gamer participa da Yes Móvel Show, em São Paulo

Com as linhas de periféricos para games Mamba, Naja e Python, a marca oferece design e uma variedade de opções […]

Opera GX e MSI se juntam para trazer aos gamers o Opera GX Edição MSI
Opera GX e MSI se juntam para trazer aos gamers o Opera GX Edição MSI

Em parceria, as empresas criaram uma experiência de navegação imersiva e um MSI Mod personalizável, que conta com um jogo […]

Opera GX anuncia lançamento de game show inédito no Brasil com grandes nomes do cenário gamer
Opera GX anuncia lançamento de game show inédito no Brasil com grandes nomes do cenário gamer

Apresentado pelo comunicador Otaviano Costa e pela streamer Gabriela Zambrozuski, o Hot Tab Hero foi gravado em dois episódios e o primeiro está disponível na janela do YouTube no Opera GX a partir de hoje.

Acer apresenta os novos notebooks gamers Nitro 16 e Nitro 17
Acer apresenta os novos notebooks gamers Nitro 16 e Nitro 17

A Acer anuncia os novos modelos de notebooks gamers Nitro 16 e Nitro 17. Projetados para fornecer aos gamers casuais um novo nível de experiência de jogo imersivo, vêm com telas WUXGA/WQXGA de 16 polegadas ou telas FHD/QHD de 17,3 polegadas e utiliz