Corrida de Beebots é destaque no Hacktudo 2022

BeeBots
Imagem:

Desafio será promovido pela SIS Swiss International School e estimulará a capacidade lógica dos estudantes que marcarem presença no festival

SIS Swiss International School será um dos destaques da programação do Hacktudo 2022, Festival de Cultura Digital. O evento acontece entre os dias 7 e 23 de outubro, no Rio de Janeiro, e contará com um desafio pra lá de diferente promovido pela instituição: uma corrida de Beebots. Para a CEO da SIS, Carolina Vieira, o objetivo é mostrar que o aprendizado de TI pode ser simplificado.

“É uma oportunidade grandiosa poder apoiar um evento de grande renome no Brasil como o Hacktudo. Também é uma excelente oportunidade para podermos mostrar que a tecnologia pode ser palpável para os pequenos e para os jovens, como forma de construir não somente o conhecimento específico para a área, mas também para desenvolver a capacidade lógica dos alunos”, afirmou a executiva.

Durante as oficinas da SIS, as crianças serão estimuladas a utilizarem a criatividade enquanto aprendem sobre programação e robótica. Além dos Beebots, as crianças poderão utilizar os divertidos Ozobots, que podem ser programados usando códigos visuais ou programação em bloco, tudo de forma simples e acessível a diferentes idades.

“O estudo da Tecnologia da Informação na SIS é feito por meio de atividades que estimulam o pensamento das crianças e o objetivo é ampliar cada vez mais a participação dos pequenos, formando jovens e adultos que compreendem a sociedade do século XXI”, completa Carolina Vieira.

Não é de hoje que a tecnologia da informação se tornou uma necessidade para as mais diversas áreas de conhecimento. Todos podem usufruir da automação proporcionada pelos códigos. O Hacktudo contará com inúmeras novidades esse ano, como drones, robôs, cultura maker, inovação e muita instrução sobre a área da tecnologia. Para Anderson Vidal, Diretor de Qualidade Pedagógica do grupo SIS no Brasil, o estudo da área de TI vai além das telas.

“Desenvolvemos um currículo que é usado em todas as nossas escolas no Brasil, na Suíça e na Alemanha e que se baseia em quatro vertentes: tecnologia digital, programação, mídia, comunicação e segurança eletrônica. Estas vertentes são a base para que os alunos possam criar produtos de alta qualidade e tornarem-se usuários criativos, seguros, responsáveis e críticos da tecnologia. Ter um currículo de TI não significa incentivar o uso de telas e é por isso que utilizamos diferentes ferramentas, como os beebots, que são divertidos e podem integrar uma abordagem baseada em brincadeiras”, completa Anderson. 

*Imagem: Divulgação / SIS Swiss International School


Leia também
Japan House São Paulo prorroga exposição “Convivendo com Robôs” até 19 de maio
Japan House São Paulo prorroga exposição “Convivendo com Robôs” até 19 de maio

Graças ao sucesso de visitação, a exposição “Convivendo com Robôs” ganha mais tempo em cartaz e terá seu período estendido […]

Hashtag Treinamentos promove curso 100% gratuito de Power BI com certificado
Hashtag Treinamentos promove curso 100% gratuito de Power BI com certificado

A Hashtag Treinamentos promove, entre os dias 19 e 22 de fevereiro, curso 100% gratuito de Power BI, plataforma de […]

Edge UOL realiza webinar gratuito para profissionais do setor de TI
Edge UOL realiza webinar gratuito para profissionais do setor de TI

Especialista da empresa vai explicar como uma solução de alta disponibilidade e recuperação de desastres pode ser uma excelente alternativa […]

MD2 Consultoria e Databricks promovem webinar sobre governança de dados em uma lakehouse
MD2 Consultoria e Databricks promovem webinar sobre governança de dados em uma lakehouse

Webinar Governança de Dados em uma Lakehouse pela MD2 e Databricks. Evento online e gratuito em 27/07, das 10h às 11h

Extraordinary Women in Tech debate liderança feminina com Google Cloud em SP
Extraordinary Women in Tech debate liderança feminina com Google Cloud em SP

Avenue Code realiza 3ª edição do Extraordinary Women in Tech no Brasil, reunindo líderes femininas em evento gratuito em São Paulo