ABINC anuncia os melhores projetos de IoT do ano nas categorias Acadêmica, Startups, Empresas Consolidadas e Soluções para Governos

Vencedores do Prêmio ABINC de IoT 2023
Imagem: divulgação / ABINC

Encerrando a Futurecom 2023, entidade elegeu melhores iniciativas que estimularam o uso da IoT em diversas áreas da sociedade, com foco em ganhos de produtividade, eficiência e redução de custos

Em cerimônia especial de premiação na Futurecom, nesta quinta-feira, 05, foram anunciados os vencedores do Prêmio ABINC de IoT 2023. A premiação realizada pela Associação Brasileira de Internet das Coisas reconheceu as melhores iniciativas que estimularam o uso da IoT em diversas áreas da sociedade, com foco em obter ganhos de produtividade, eficiência e redução de custos em seus negócios e operações.

Dentre os 66 projetos inscritos nesta edição, foram anunciados os melhores projetos nas categorias Acadêmica, Startups, Empresas Consolidadas e Soluções para Governos/Infraestrutura, elegendo os primeiros e segundos colocados. A banca de jurados que analisou os projetos inscritos foi composta por membros da diretoria da ABINC e experts da área de IoT, como: Paulo Spaccaquerche, Presidente da ABINC; Flávio Maeda, VP ABINC e Head de Digital da Pöyry/AFRY América Latina; Eduardo Iha, Conselheiro Fiscal ABINC e Sócio Future Hacker e Haroo Tecnologia; Camilo Eugênio Martinelli, Diretor de Relações Institucionais da ABINC, Gerente Comercial do NUTES (Núcleo de Tecnologias Estratégicas em Saúde); Dalton Oliveira, MBA – Conselheiro Consultivo na ABINC, Advisor Global em Transformação Digital na Wardston Consulting; Gustavo Zucchi, Conselheiro Fiscal ABINC e Consultor na Cambridge Management Consulting; Mauricio Figueiredo – Diretor de Relacionamento ABINC, Conselheiro na Futurecom e Co- Founder na Almaroma; e Mauricio Finotti – Coordenador do Comitê de Manufatura da ABINC e CEO da I-SENSI IoT.

Segundo Flavio Maeda, a entidade se preocupou em não dar foco excessivo nas tecnologias, mas sim no benefício da aplicação das tecnologias para as empresas e para a sociedade em geral. “Nesse sentido, o prêmio visou dar visibilidade aos casos reais de aplicação das tecnologias da Internet das Coisas e os ganhos de produtividade, eficiência, redução de custos ou criação de novas fontes de receitas que esses projetos proporcionaram para as empresas e sociedade para encorajar outros líderes empresariais e gestores públicos a inovarem com o uso da Internet das Coisas.

Maeda explica ainda que outro objetivo do Prêmio foi fortalecer o ecossistema de IoT brasileiro, realizando a aproximação entre o mercado com os fornecedores de soluções, bem como incentivar o empreendedorismo pelas Startups.

Na Categoria Acadêmica, o 1º colocado foi o projeto “Baby IoT – monitoramento do bem-estar de recém-nascidos”, do Instituto Mauá de Tecnologia. O 2º colocado foi o projeto “Gêmeos Digitais: A integração do BIM e do IoT no Smart”, também do Instituto Mauá de Tecnologia.

Na Categoria Startups, o 1º lugar ficou com o projeto “Green IoT – Emissões de Poluente Veiculares em Tráfego Real”, da empresa Zane. Já o 2º lugar foi ocupado pelo projeto “Concilia – da Base à Bomba”, da empresa Via Flex.

Na Categoria Empresas Consolidadas, o 1º colocado foi o projeto “Religador Monofásico Rocket-1 – 15/27 KV”, da empresa HartBR. O 2º colocado foi o projeto “Sistema geral de pesagens”, da empresa CrazyTechLabs.

Na Categoria Soluções para Governos/Infraestrutura, o 1º lugar ficou com projeto “UniQ: Unificando tecnologias no ecossistema digital de transporte urbano”, da empresa UniQ. Já o 2º lugar esteve com o projeto “SMART City Angra dos Reis”, da empresa ENEL X.

Conheça os projetos eleitos os melhores do ano:

Baby IoT – monitoramento do bem-estar de recém-nascidos: o projeto do Instituto Mauá de Tecnologia propõe a introdução de um dispositivo eletrônico na vestimenta do bebê e em seu quarto, captando dados via LoRaWAN e tratando-os. O monitoramento é apresentado por meio de um aplicativo, disponibilizando informações para os pais, pediatras e profissionais. A instalação pode ser feita tanto em berçários de hospitais como nas próprias residências, visando a integração da tecnologia na área da saúde.

Green IoT – Emissões de Poluente Veiculares em Tráfego Real: o projeto da empresa Zane trata-se de uma solução que propõe um novo conceito de controle de emissão de gases em veículos a diesel através do monitoramento IoT por sensores instalados no escapamento para medir o índice de gases NOx gerados pelos motores em situações reais de trânsito, para evidenciar as condições de homologação do veículo e posterior, avaliação de conformidade com lei.

Religador Monofásico Rocket-1 – 15/27 KV: o Rocket 1 é um religador monofásico desenvolvido pela HartBR através do programa P&D ANEEL e patrocinado pelo Grupo Energisa. O produto possui pedidos de patentes depositados no Brasil e no exterior.  É uma solução de smart grid para automação das redes de distribuição de energia. O equipamento é integrado aos sistemas SCADA, através de módulo de comunicação IoT embarcado. O Rocket-1 é 100% fabricado no Brasil e autoalimentado, instalado em bases fusíveis convencionais, além de operar sem baterias e com correntes primárias muito baixas.

UniQ – Unificando tecnologias no ecossistema digital de transporte urbano: através de tecnologias como ITS, IoT e telemetria, a UniQ unifica e integra diversas fontes de informação em circulação na operação da empresa, padronizando-as e oferecendo melhores serviços de Tecnologia da Informação para administrar o Transporte de passageiros com qualidade, agilidade, confiabilidade e custo baixo. A UniQ investe no uso de informação correta no tempo certo, trazendo efetividade ao transporte público, inserindo valor e inovação ao negócio dos clientes de forma sustentável.

*Fonte: ABINC


Leia também
Vincent Martella, o Greg de ‘Todo Mundo Odeia o Chris’, está confirmado no Imagineland 2024
Vincent Martella, o Greg de ‘Todo Mundo Odeia o Chris’, está confirmado no Imagineland 2024

Ator Vincent Martella atendeu ao convite dos fãs brasileiros e do influenciador Peter Jordan para vir pela primeira vez ao […]

Serpro e Porto Digital lançam módulo ‘Rise Up’ para formar talentos em TI
Serpro e Porto Digital lançam módulo ‘Rise Up’ para formar talentos em TI

Estatal inaugura novo capítulo na formação tecnológica em Recife com a oferta de uma disciplina em curso promovido pelo Senac. […]

Uber inaugura ponto de embarque na Rodoviária do Rio
Uber inaugura ponto de embarque na Rodoviária do Rio

A concessionária que administra o terminal carioca e a Uber inauguram a primeira área para o embarque de passageiros em […]

A era das digital skills: desenvolvimento de habilidades tech em profissionais que não são de tecnologia
A era das digital skills: desenvolvimento de habilidades tech em profissionais que não são de tecnologia

Atualmente, não há como negar que o bom profissional é aquele que se adapta às transformações do mercado e adquire […]

Claro tem a 4ª marca mais valiosa do Brasil
Claro tem a 4ª marca mais valiosa do Brasil

A Claro está entre as Marcas Mais Valiosas do País, segundo o estudo Kantar Brandz, divulgado na quarta-feira (13). A […]